CECIL B. DEMENTED (2000)

Vi-o quando estreou, mas há 20 anos ainda não tinha assistido filmes de todos os cineastas que aparecem nas tatuagens e também não entendia todas as provocações à indústria cinematográfica. Como é bom ver a liberdade de John Waters. Graça adicional: notar como tantos dos jovens do elenco se tornaram tão conhecidos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente aqui...